368 – O Horror Vem do Espaço (1958)

 

1958 / Reino Unido/ P&B / 74 min / Direção: Arthur Crabtree / Roteiro: Herbert J. Leder (baseado na história original de Amelia Reynolds Long) / Produção: John Croydon / Ronald Kinnoch (Co-produtor – não creditado); Richard Gordon, Charles F. Vetter (Produtores executivos – não creditados) / Elenco: Marshall Thompson, Kynaston Reeves, Kim Parker, Stanley Maxted, Terence Kiburn

 Quando estava na faculdade, meu trabalho de conclusão de curso foi um projeto chamado “Cinema, Guerra Fria e Paranoia“. Eu falei de como “Hollywood” usou o cinema para usar a população contra o comunismo e também para deixar as pessoas em alerta contra pessoas suspeitas. Nesse tempo começa a também existir a famosa “Caça as Bruxas” , onde o senador Joseph McCarthy propõe fazer uma lista de pessoas que estavam envolvidas com atividades comunistas. Então um monte de pessoas foi para essa temida lista e ficaram sem empregos, família foi excluída da sociedade. Um bom exemplo para entender esse período é assistir ao filme “Trumbo“, “Ponte de Espiões” e também “Boa Noite e Boa Sorte“.

A ficção cientifica usou esse tema como ninguém e criou verdadeiras perolas para o cinema. Claro usando algumas coisas do horror, deixou tudo exagerado mas que mesmo assim são ideais incríveis. Essas obras viraram referencial para produções que vamos ver nos anos 70 e 80 como “Vampiros de Alma“, ” I Married a Monster from Outer Space“, ” O Monstro do Ártico” e o clássico “A Ameaça Veio do Espaço“. É muito legal como eles usam esses filmes para falar sobre o medo espacial, mas também para você ficar em alerta com pessoas desconhecidas. Como é o caso clássico de “Vampiros de Alma” que já foi resenha aqui no “Terror Mania“, mas fala de um comunidade onde pessoas estão sendo substituídas.

Em “O Horror Vem do Espaço” vemos também esse tipo de história, onde cientistas e exercito lutam para acabar com um forma de vida invasora. O filme foi dirigido por Arthur Crabtree que já tinha uma experiência em obras de terror e mistério e isso ajudou a construir todo o clima do filme. Já que vemos a todo tempo uma investigação e um forma sinistra e invisível matando as pessoas. Um dos principais pontos é como ele faz uma denuncia também ao perigo atômico que de um forma ou outra também inaugura o “Atomic Horror” onde o medo muito presente de um ataque nuclear vai povoar a imaginação dos estúdios e dando brecha para diretores criarem outras obras primas como “O Planeta dos Macacos“, “O Dia em que a Terra Parou” e o clássico “Godzilla“.

O filme todo foi filmado na Inglaterra e distribuído pelo Canadá para chamar mais publico. O que deu certo, já que ele saiu deforma independente e conquistou a MGM nos Estados Unidos para distribuir o filme.  A produção é bem versátil e usou até “stop-motion” para ilustrar melhor a história, isso foi tão bem feito que pela época o filme foi censurado pela “British Council” no qual teve uma censura “X“, ou seja, para maiores de idade e também deu um choque no publico por tamanha eficiência nas cenas de horror. A uma cena no qual alguns militares e civis estão dentro de um casa presos que lembrou e muito “A Noite dos Mortos Vivos” que apesar de ser um filme de terror, também faz uma denuncia a industria atômica.

Um cientista, experimentando energia de uma base nuclear, consegue criar uma nova forma de vida. Mas a criatura começa a desenvolver uma inteligência fora do normal e consegue escapar de seu laboratório. Uma vez fora do laboratório, e mais perto de sua fonte de energia nuclear, ele acaba se multiplicando. E, como a criatura também é invisível, ninguém conhece a sua aparência.

Eu gostei muito quando assisti “O Horror Vem do Espaço” apesar que para época ser um escândalo em forma de película, ele apresenta elementos bacanas desse “SYFY/Horror Movies” consegue ser horripilante em alguns momentos e também abre a imaginação a tratar de assuntos como o mistério da era nuclear. Acho que isso também se refletiu na bilheteria já que ele chegou na casa dos 650.00 mil, sendo que ele custou apesar 50 mil para ser feito. Para quem está procurando o filme para assistir ele está no YOUTUBE em HD e é uma boa obra para conhecer essa época dos perigos nucleares. Que talvez podemos viver novamente!

Nota: 

Baixe o filme com legenda Aqui

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s