Damien: A Profecia II (1978)

1978 / EUA / 107 min / Direção: Don Taylor / Roteiro: Stanley Mann e Mike Hodges, Harvey Bernhard (história) / Produção: Harvey Bernhard, Charles Orne (Co-produtor), Joseph Lenzi (Produtor Associado) / Elenco: William Holden, Lee Grant, Jonathan Scott-Taylor, Robert Foxworth, Nicholas Pryor

Acho que “A Profecia” está no top 10 de trilogias favoritas, apesar de várias pessoas odiarem o que ela se tornou, especialmente a parte 3, eu adoro o rumo que ela teve e também como a evolução do Damien entre decidir se usa seus poderes de filho do demônio ou simplesmente ser uma pessoa normal. A segunda parte entra em choque com o certo e o errado, no caso como posso fugir do meu destino.

Se na primeira parte temos aquele choque entre colocar o satanismo na tela, uma criança como o filho do cramunhão e tal. Aqui vemos um adolescente tentando entender o que aconteceu com ele, porque tudo é estranho. Gosto de como o filme trabalha com isso de Damien ao mesmo tempo ser o anticristo e também lidar com problemas normais.

A diferença também se da pela mudança na direção, se na primeira parte temos a direção de Richard Donner. Aqui Don Taylor que fez uma caralhada de filmes, muda o tom da produção e o deixa mais acelerado e mais dramático na minha opinião.  O diretor tem uma experiência com filmes de terror, entre eles a “Ilha do Dr. Moreau” e outro que não é bem um terror e sim uma filme de suspense com ação que é “Nimitz – De Volta ao Inferno” que vale muito a pena assistir.

O filme teve pessoas de peso por trás como a trilha sonora do Jerry Goldsmith que é impressionante sempre. A produção custou 6,8 milhões e conseguiu faturar por volta de 26 milhões o que foi lucrativo e também uma carta branca para a produção do terceiro filme. Acho que a opinião da crítica deveria ter sido um alerta para os produtores sobre a produção do terceiro filme, lembrando que a profecia na verdade são quatro filme. Onde no ultimo a história é sobre uma menina que vira herdeira do Damien, realmente não tem como dar errado.

Quem já assistiu a primeira parte do filme já sabe quem é “Damien”. Acho que “A Profecia” poderia ser considerado um “Boyhood” pela evolução do personagem e não pelo ator. Já que no segundo filme o garoto agora um adolescente (Jonathan Scott-Taylor) finalmente toma consciência de que é o Anticristo e, após o choque inicial, passa a usar seus satânicos poderes para matar qualquer um que suspeite da sua herança demoníaca. Acho isso simplesmente foda e também muito legal. Mas pena que não da uma convencida na verdade.

“A Profecia II”, realmente não é um dos melhores filmes do mundo. Mas consegue deixar seu peso na história do cinema pela trama bem elaborada e também pelos efeitos da época. Eu pessoalmente considero  um excelente filme de terror, apesar das suas limitações no roteiro e também com atuações. Mas vale a pena assistir a obra como um todo.

Nota: 

Baixe o filme com legenda Aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s