Gremlins (1984)

36127

1984 / EUA / 106 min / Direção: Joe Dante / Roteiro: Chris Columbus / Produção: Michel Finnel, Kathleen Kennedy, Frank Marshall, Steven Spielberg / Elenco: Zach Galligan, Phoebe Cates, Dick Miller, Corey Feldman, Hoyt Axton

Lembro que por muito anos “Gremlins” para mim só existia a segunda parte do filme. Fato é que não passava a primeira parte. Não que eu procurasse também feito louco a primeira parte do filme. Mas lembro que passava direto na Globo nos anos 90 e só dava a segunda parte. Só recentemente digo isso em 2010, eu assisti na TCM no especial de natal deles.

Joe Dante que já tem uma pegada de filmes de terror e fantasia, visto por sua extensão filmografia que mistura esses gêneros. Ele caiu como uma luva para a direção de “Gremlins” que foi um sucesso nos anos 80. Fora que tem o roteiro do  Chris Columbus, que dirigiu clássicos como as duas partes de “Esqueceram de Mim” e “Harry Potter“. E para completar o filme foi produzido pela “Amblin Entertainment” então Steven Spielberg, coloca seu dedo no filme. Então o resultado não poderia ser outro a não ser excelente! O filme consegue ficar bem na divisão do terror e suspense e também da fantasia. É aquele típico filme que te deixa apavorado quando você é criança, mas quando você envelhece você se diverti e muito ou por causa da nostalgia que ele coloca em você ou pelas atuações que são sensacionais também.

g3

Lançado perto do natal, ele virou um clássico porque ele sacaneia filmes clássicos dessa maravilhosa época, então ele mesmo vira um clássico para se assistir no natal. O melhor é quando o próprio filme consegue superar as expectativas de ser só um filme com bonecos medonhos e consegue ser vários gêneros como eu tinha dito anteriormente.  Fora também passagens impagáveis de quando os “Gremlins” dominam a cidade e vão para o bar e fazem aquela zona e um deles imitam “Flash dance” que é impagável ou quando vão ao cinema e estão assistindo “A Branca de Neve e os Sete Anões“.

A história de uma certa maneira também é uma crítica ao consumismo desenfreado que essa época maravilhosa tanto passa. Quando o pai do personagem principal que é um inventor está andando pelas ruas de Nova Iorque e decide passar por um bairro, ele entra numa loja chinesa e vê um bichinho no mínimo curioso que é um “Mogwais” (coisa mais fofa do mundo). Randall Peltzer (Hoyt Axton) quer de qualquer jeito o bicho, mesmo com o vendedor dizendo que não. Mas o neto do vendedor vende para Randall e nisso também descobrimos as três regras sobre um ter um bicho daquele.Como ele não poder entrar em contato com a água, mantê-lo longe da luz forte e claro a mais importante de todas que é “não importa o quanto ele chore, o quanto ele suplique, nunca, nunca o alimente após a meia-noite.”

g2

Mas claro que essas regras vão ser quebradas. Quando o “Mogwais” chega até a cidade de interior no inverno, ele ganha o apelido de “Gizmo” e assim também descobrimos o protagonista do filme que é Billy Peltzer (Zach Galligan), ele trabalha num banco e sonha em ser quadrinista. Acidentalmente ele molha o Gizmo e assim ele se multiplica em outras bolinhas igual a ele, mas esses tem uma personalidade diferente e assim os outros, começam a aprontar bastante, até que Billy é enganado por eles e os alimenta depois da meia-noite. Assim temos outra “evolução” quando eles ficam em ovos que lembra muito “Alien – O Oitavo Passageiro“.

É legal lembrar que outro astro dos anos 80 está no filme. Corey Feldman faz o vizinho de Billy, o menino Pete, ele é o primeiro a presenciar os famosos ” Gremlins” que são criaturas endiabradas que fazem de tudo para detonar qualquer coisa. O filme foi realmente bem recebido pela crítica e também fora a excelente produção com os bonecos que são todos mecanizados ou as vezes marionetes e até “stop-motion” que enriquece a experiência de assistir a esse filme. Um dos responsáveis por isso é o Chris Walas que veio da “Industrial Light & Magic” do George Lucas. Fora que Walas é responsável por outros clássicos do cinema como “Piranhas” que foi dirigido pelo Joe Dante nos anos 70, fora também que participou na produção de dois filmes do David Cronenberg como “A Mosca” no qual ele fez os efeitos especiais e “Scanners – Sua Mente pode Destruir” que ele trabalhou na maquiagem do filme.

gremlins-1984-04-g

O filme é diversão garantida e um show de produção cinematográfica e envolve aquele sarcasmo e humor negro das épocas natalinas. Vale muito a pena ver e rever, como também a parte 2 que saiu em 1990 e lembre-se sempre de uma coisa: “Então, se o seu ar-condicionado emperrar, sua máquina de lavar explodir, ou seu videocassete travar, antes de chamar o técnico, apague as luzes, cheque os armários e guarda-roupas, olhe embaixo da cama… Pois nunca se sabe, pode haver um gremlin em sua casa”.

Nota: 

Baixe o filme com  legenda aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s