Grito de Horror (1981)

c07f86225a3f766e00e8bf5cddbad448

1981 / EUA / 91 min / Direção: Joe Dante / Roteiro: John Sayles, Terence H. Wikness (baseado no livro de Gary Brandner) / Produção: Jack Conrad e Michael Finnel, Rob Bottin (Produtor Associado), Daniel H. Blatt e Steven A. Lane (Produtores Executivos) / Elenco:Dee Wallace, Patrick Macnee, Dennis Dugan, Christopher Stone, Elisabeth Brooks, Dick Miller

Rapaz, se tem uma coisa dentro dos filmes de terror que eu goste são filmes de lobisomens. Simplesmente adoro essa mitologia do homem de dia e besta a noite. Não é só por ser do interior e tentar procurar lobisomem a noite quando criança ou também crescer ouvindo essas histórias. Mas adoro ver ou rever os filmes e ver a maquiagem ou até o CGI como ficou. Enfim sou um grande fã desses monstros.

Mas um que gosto bastante é “Grito de Horror” do Joe Dante e também suas continuações que é simplesmente genial. Uma coisa melhor que a outra. O filme foi escrito por John Sayles que foi também roteirista de “Piranhas“, “Mercenários das Galáxias” e “O Jacaré Assassino” e também conta com a mão no roteiro de Terence H. Winkless que dirigiu vários episódios de “Power Rangers” nos anos 90.

O começo do filme é bem pesado até, na trama acompanhamos a repórter Karen White (Dee Wallace) onde ela está participando de uma armadilha da policia para capturar um assassino. Assim ela marca de se encontrar o maníaco numa loja pornográfica, daquelas bem “underground” mesmo. Mas quando ela encontra o sujeito ela é atacada por ele.  Assim ela fica traumatizada pelo ocorrido e começa a ter uns sonhos bem loucos com tudo aquilo.

hurlements-1980-01-g

Quando ela começa a fazer terapia para lidar com esse problema seu terapeuta indica para ela ir a um lugar onde ele coordenar e assim ela vai saber falar com as pessoas que passaram por algum tipo de trauma. Assim ela decide ir junto com o marido Bill (Christopher Stone), o lugar é um bosque numa ilha (lugar bem estranho na verdade). E logo ela conhece a população daquele lugar e seu marido Bill conhece Marsha Quist (Elisabeth Brooks) uma espécie de bruxa do local, onde seduz o marido de Karen.

O legal do filme é como ele desconstrói o mito do lobisomem, principalmente quando os amigos de Karen começa a investigar a fundo o maníaco e os leva ao assunto de lobisomens e também a uma loja onde eles descobrem esse mito dos lobisomens e assim eles descobrem também que os monstros podem se transformar na hora que quiser e tem consciência dos seus atos. Como eu disse que gosto de observar as maquiagens dos monstros e tal. Nesse eles chamaram Rob Bottin que foi responsável pela maquiagem e efeitos de “Enigma de Outro Mundo” e aqui ele simplesmente extrapola os limites da realidade ao construir um monstro medonho e realmente assustador. A ideia de deixar eles mais “Humanos” no quesito de serem bípedes com a aparecia de lobos e aquelas garras e presas. Realmente assustou e foi base para ideias de outros filmes de lobisomens como “Lua Negra, “Bala de Prata” ou até o mais recente “Lates Phases” que lembra muito esse filme do Joe Dante.

vlcsnap-2013-12-30-22h25m19s133

Aos poucos Bill fica mais envolvido em Marsha que cai nas suas tentações e ele se vê transformando numa fera também. Assim Karen já descobrindo a verdade sobre aqueles local tentar fugir mas é capturada e é colocada numa espécie de tribunal onde ela percebe que vai morrer a qualquer momento. Mas quando ela consegue fugir e coloco isso entre aspas. Ela se transforma num monstro e afim de revela a verdade em rede nacional ela se transformar num lobisomem também. O jeito que fizeram a maquiagem dela ficou ótimo porque lembra um “Poodle” meio bombado é muito engraçado. Mas claro que ninguém acredita nela e todos da cidade pensam que aquilo não passa de produção do jornal.

Lembrando que os anos 80 foi palco para um monte de filmes de lobisomens. Seja pelo próprio “Um Lobisomem Americano em Londres“, “A Hora do Espanto 2“, “Bala de Prata“, “A Companhia dos Lobos” e depois claro as continuações de “Grito de Horror” que como disse é uma coisa maravilhosa. Mas a partir dos anos 2000 pouca coisa boa foi feita com o tema de lobisomens. O ultimo que vale a pena mesmo como eu tinha dito antes é “Late Phases” que vale a pena ver e agora é esperar para ver se é lançado algo bom com esses monstros que tanto gosto.

bf2211cb2be5cc4333bb57c084ddf9a4

Nota: 

Baixe o filme com  legenda aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s