O Caseiro (2016)

 

Poster_O_Caseiro_ALTA

2016 / Brasil / 88 min / Direção: Julio Santi / Roteiro: Felipe Santi , Julio Santi , João Segall /Produção: Rita Buzzar , Marcio F. de Oliveira , Vinicio Espinosa , Bruno Garcia , Ricardo Mello , Julio Santi , João Segall / Elenco: Leopoldo Pacheco, Denise Weinberg, Bruno Garcia, Malu Rodrigues

Quem disse que não tem terror no cinema nacional? Tem sim meus amiguinhos! Essa semana chega aos cinemas o filme “O Caseiro”.

Com um roteiro escrito a seis mãos por Julio Santi, Felipe Santi e João Segall, a trama acompanha a  história de Davi (interpretado pelo ator Bruno Garcia, que além de atuar também investiu na produção do filme) um cético professor de psicologia famoso por escrever um livro que explica aparições sobrenaturais através da psicanálise.  Até que um dia, após anos sem atender pacientes, ele é procurado por uma de suas alunas, Renata. Ela vive com o pai (Leopoldo Pacheco) sua tia (Denise Weinberg) e suas irmãs em uma chácara a beira do lago e desconfia que o comportamento estranho de sua irmã mais nova, Júlia, tenha relação com a morte do antigo caseiro da propriedade, que se suicidou. Vislumbrando a possibilidade de escrever um novo livro e comprovar sua tese mais uma vez, Davi, apesar de relutante, resolve investigar o caso sem nem imaginar as provações que o aguardavam.

_INO4065

Rodado em Jarinu, no interior de São Paulo, e na capital paulista, em 2015 o longa metragem é o segundo do jovem diretor Julio Santi e vem chamando a atenção não só pela qualidade da produção como também pela coragem de apostar em uma história sobrenatural, algo tão pouco explorado nas produções brasileiras.

_INO3482

Durante a coletiva que rolou semana passada em São Paulo, o roteirista Felipe Santi e a Produtora Rita Buzzar (“Olga“) explicaram que a intenção aqui não era trazer algo novo pro gênero e sim trazer esse gênero pro grande circuito, contar uma história semelhante a tantas outras já vistas no terror “hollywoodiano” só que dentro da nossa realidade. E bem, é exatamente isso que vemos! “O Caseiro” realmente consegue mesclar pontos importantes da nossa cultura a elementos  universais dos quais estamos acostumados, como aquela fotografia soturna, aquele jogo de luzes, aquela trilha cheia de tensão, a casa amaldiçoada, a criança que vê gente morta, até o jeito que os personagens conversam, enfim,  todo aquele “clichezão”, mas é o nosso “clichezão” sabe? É um filme de terror com um orçamento abaixo da média, feito aqui no Brasil, que não deixa a dever em nada pras produções lá de fora. E pra completar a história é muito bem construída, com uma trama que é capaz de prender e surpreender do começo ao fim.

“O Caseiro” chega aos cinemas dia 23 de junho e vale a pena conferir essa de perto!

_INO4896

Nota: 

Crítica escrita pela Dany B aquela que grava o Locadora do Trash!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s