A Hora do Lobisomem ( 1985)

Silver-Bullter

1985 / EUA / 95 min / Direção: Daniel Attias / Roteiro: Stephen King (baseado em sua obra) / Produção: Dino de Laurentiis e Martha de Laurentiis, John M. Eckert (Produtor Associado) / Elenco: Gary Busey, Everett McGill, Corey Haim, Megan Follows, Robin Groves, Leon Russom

Acho que um dos filmes que mais assisti na minha infância na televisão foi “A Hora do Lobisomem“. O SBT passava incansavelmente esse filme, que na verdade é um puta de um filme. Um dos meu “monstros” favoritos dentro do terror é o Lobisomem, sempre adorei essa mitologia do homem que se transforma numa fera. Como já dizia Thomas Hobbes “O Homem é o Lobo do Próprio Homem“.

O livro é baseado na obra de Stephen King que deixa tudo ainda melhor. Na minha opinião esse também é umas das grandes adaptações do mundo literário de King. Adoro muito o livro e o filme, Não é atoa também já que o próprio Stephen escreveu o roteiro. A direção de Daniel Attias é precisa, divertida e também faz crescer o suspense  na hora certa e também o terror ainda mais. A escolha do elenco foi sensacional. A cara de “normalidade” que fica dentro dos personagens e sente o terror quando descobre a verdadeira face da criatura é simplesmente genial.

silver-bullet-busey-flask-church

A produção não é grande é singela e deixa a desejar em alguns aspectos como explorar mais o terror com a criatura e não os efeitos que ela traz. Mas claro que isso não complica o filme em grandes coisas. Lembrando que nos anos 80 foi o ano dos “licantropos” na telona. Tivemos em 1981 dois grandes filmes como “Grito de Horror” de Joe Dante e também o clássico cult “Um Lobisomem Americano em Londres” de John Landis. E fora outros filmes legais como “Deu a Louca nos Monstros” que traz aquele lobisomem clássico dos filmes da Universal e a segunda parte da “A Hora do Espanto” com aquele lobisomem desnutrido e bizarro.

Uma das coisas legais que podemos tirar de “A Hora do Lobisomem” são os efeitos que ela traz para a própria vitima. Agora vem o SPOILER! Na verdade o padre é a fera! Então ele não curte ser amaldiçoado, mas ao mesmo tempo ele não quer ser pego por conta disso. E numa excelente cena onde vemos esse reflexo do medo dele, é quando ele está em uma missa e ele começa a sonhar que a população toda está se transformando. Essa cena é simplesmente foda e confesso que me dava um cagaço quando era criança.

silver-bullet-mcgill

A história começa quando temos um garoto de 11 anos e paraplégico que se diverte por ai com a sua cadeira de rodas motorizada que ganhou do seu tio Red (Gary Busey), que sofre por beber muito e também por não ser muito estável. Marty (Corey Haim) é poupado de várias coisas por conta da sua deficiência. Mas vemos que esse quadro muda quando ele descobre quem é o lobisomem, assim temos um jogo de gato e rato. Seus pais não acreditam nele. Então ele conta com a ajuda de seu tio para que ele acabe com essa ameaça.

A Hora do Lobisomem” toca em vários pontos interessantes como minorias e também se for analisar mais afundo os problemas da sociedade. Se de um lado temos um monstro vivido pelo padre Lowe (Everett McGill), pelo outro temos os desajustados, os que não encaixam como o próprio tio que é visto com desdém pela própria família, um menino deficiente e a irmã que por ser mulher não tem uma relevância na história. Mas são eles que acabam com o monstro. Essa parte do conflito final é realmente genial e um dos pontos alto do filme.

silverbullet5

A direção de Daniel Attias é bem executada e o roteiro de Stephen King é muito precisa e não enrola ao trazer o extremo do terror em várias cenas e também realçar a mitologia do lobisomem. Realmente um filme obrigatório para os fãs do gênero de horror e também para quem ama os livros de King.

Nota: 

Baixe o filme com  legenda aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s