A Noite dos Demônios 2 (1994)

20140313-154852

1994 / EUA /  96 min/ Direção: Brian Trenchard-Smith/ Roteiro: Joe Augustyn e James Penzi/ Produção: Bill Berry, Jeff Geoffray, Walter Josten, Henry Seggerman/ Elenco: melia Kinkade, Bobby Jacoby, Christi Harris, Zoe Trilling

Se a primeira parte de “A Noite dos Demônios” foi foda, imagine a segunda. O diretor Brian Trenchard-Smith que é responsável pelos filmes “O Duende” 3 e 4 e também o clássico sobre o fim do mundo “Megido” traz a tona esse clássico dos anos 80.

A primeira parte onde temos Ângela (Amelia Kinkade) e companhia possuída pelos demônios, nessa segunda parte do filme. Os demônios viram uma espécie de vampiros. Essa produção me lembrou muito um clássico de Robert Rodriguez que é “Um Drink no Inferno“, mas tamanha foi minha surpresa que vejo que o filme do amigo do Tarantino copiou descaradamente algumas cenas de “A Noite dos Demônios 2“. Já que esse é de 1994 e o “Um Drink no Inferno” é de 1996. Basicamente essa segunda parte traz tudo mais em exagero então temos mais gore que a primeira parte e também mais peitinhos! Que é essencial para qualquer filme dos anos 90 também.

Night of the Demons 2 - 3

As coisas aqui são tão cafajestes que chegam a beirar a loucura e aos exageros. Algumas partes são simplesmente fodas, como a freira que luta em nome do senhor e pega seu terço santo para bater nos demônios/vampiros. E claro o gore e o terrir que são duas ferramentas básicas para esse filme funcionar. Resumindo “A Noite dos Demônios 2” pega muita coisa de “Fome Animal“. As cenas de gore principalmente, os demônios/vampiros derretendo e também as cenas que força o gore e o grotesco com o humor negro. Impossível não rir de várias cenas desse filme.

Basicamente o filme começa com um grupo de jovens vendo umas garotas se trocando na frente de uma janela, sem pudor nenhum, incrível mesmo e também por se tratar que eles estão num colégio interno e católico. Mas o “halloween” está chegando e porque não comemorar na velha “colina hull” onde os assassinatos da noite de 1988 ocorreram. Nessa seqüência conhecemos alguns personagens como Melissa (Merle Kennedy) a irmã de Ângela. Descobrimos por meio de suas colegas de quarto o que aconteceu com o pessoal. Os demais foram achados mortos dentro da mansão e só Ângela sumiu e diz a lenda que ela virou a “concubina” de satanás. E os pais de Melissa descobrindo isso se mataram. A menina realmente é largada pelo mundo e não bastando todo o trauma as meninas que são colegas de quarto dela são verdadeiras vacas que fazem um “bullying” danado na pobre garota.

Essa segunda parte copia o grupinho da primeira parte. Temos a vagabundinha da galera, a aprendiz de vagabundinha, a maria vai com as outras,  mas que na verdade é pura de coração, o escrotão, o amigo do escrotão que também é puro de coração e o virjão. Assim está pronto a fauna do pessoal. A diferença é que nessa segunda parte eles levam a fundo o ponto da vagabundinha e ainda por cima é escrota para caramba. Quando o pessoal vai para a colina para aprontar aquela festa esperta. Logo são incomodados pela presença de algo pesado naquela casa. Então decidem ir embora. Mas voltando para o colégio eles são surpreendidos pela presença de Ângela que conseguiu passar pelo lençol freático.

8N2hvuOYtLfvJ9d1Xb3Awu7sR1a

A confusão está pronta e assim os amigos  tem que se virar para se salvarem e também salvar o mundo, já que Ângela sequestra a Irma e assim virar carne e osso para aprontar no mundo real.

Essa seqüência é bem legalzinha até, mas não chega perto do clássico dos anos 80. Os exageros cometidos pelo diretor e também no roteiro deixam a desejar muito. Como estamos no começo dos efeitos especial com o computador, eles forçam muito a barra. Temos um exemplo quando em um cena temos Ângela de cobra gigante, foi usado efeito prático perfeito, mas a parte final do filme eles quiseram achar uma solução mágica para encerrar e que ficou uma verdadeira merda.

Vale lembra que “A Noite dos Demônios” é na verdade um trilogia e que a ultima parte saiu em 1997 que infelizmente foi lançado só em vídeo. E ainda temos um “remake” que saiu em 2009. Então é esperar para conferir essas perolas.

Nota: 

Baixe o filme com  legenda aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s