70 – Herança Maldita (1995)

 

castle_freak

1995 / EUA / 90 min / Direção: Stuart Gordon / Roteiro: Dennis Paoli, Stuart Gordon (baseado no conto de H.P. Lovecraft) / Produção: Maurizio Maggi; Michael J. Mahoney (Coprodutor); Albert Band, Charles Band (Produtores Executivos) / Elenco: Jeffrey Combs, Barbara Crampton, Jonathan Fuller, Jessica Dollarhide, Massimo Sarchelli, Elizabeth Kaza

Como eu adoro os filmes do Stuart Gordon! Primeiro por adaptar os contos de Lovecraft de uma forma sensacional, mesmo que seja do jeito dele. As produções que ele comanda são fodas. Podemos citar alguns filmes que são simplesmente “massareal” que ele dirigiu, começando com o “Re-Animator” que reacende o legado de zumbis e de uma certa forma tem um morto-vivo diferente dos demais que foi o caso dos filmes do Romero que tinha um teor mais político ou até dos zumbis do Dan O’Bannon que são os icônicos “A Volta dos Mortos Vivos” do mesmo ano de “Re-Animator” 1985. Sem esquecer os zumbis italianos de Fulci, Claudio Fragasso, Bruno Mattei e Umberto Lenzi.

Continuar lendo

Anúncios

69 – Sexta-Feira 13 (1980)

friday_the_13th1980

1980 / EUA / 95 min / Direção: Sean S. Cunningham / Roteiro: Victor Miller, Sean S. Cunninggham e Victor Miller (história) / Produção: Sean S. Cunningham, Steve Miner (Produtor Associado), Alvin Geiler (Produtor Executivo) / Elenco: Betsy Palmer, Adrienne King, Jeannine Taylor, Robbi Morgan, Kevin Bacon

Acho que um dos filmes mais legais e com uma história muito foda é a primeira parte de “Sexta Feira 13”. Claro que com alguns furos no roteiro, mas não podemos julgar esse excelente filme por esses tropeços. E nem vou colocar isso aqui. Porque o filme realmente é massa real e merece um respeito impar, além de ter uma excelente produção, roteiro e atuações formidáveis, ele tem o Tom Savini que da um show de maquiagem e efeitos especiais.

Continuar lendo

68 – Holocausto Canibal (1980)

cannibal-holocaust-movie-poster-1980 1980 / Itália / 95 min / Direção: Ruggero Deodato / Roteiro: Gianfranco Clerici / Produção: Franco Di Nunzio, Franco Palaggi / Elenco: Robert Kerman, Francesca Ciardi, Perry Pirkanen, Luca Barbareschi, Gabriel Yorke

Acho que muito pode ser dito sobre “Holocausto Canibal” e um dos mais famosos é sobre a veracidade do filme. Como animais mortos de verdade e também como o diretor italiano Ruggero Deodato conseguiu criar um filme tão perfeito usando o “found footage”. Podemos até dizer que foi ele que criou esse gênero das filmagens perdidas.  Mas se olharmos bem a obra e ter estomago para ver as cenas. Se bem que as cenas de “gore” de verdade são bem fracas comparadas com filmes que temos hoje em dia como “Jogos Mortais”, “Centopéia Humana”, “Mártires” e até “Serbian Film”.

Continuar lendo

67 – A Noite dos Demônios (1988)

night-of-the-demons-poster-1

1988 / EUA / 90 min / Direção: Kevin Tenney / Roteiro: Joe Augustyn /Produção: Joe Augustyn, Jeff Geoffray (Supervisor de Produção), Don Robinso (Linha de Produção), Walter Josten (Produtor Executivo), Michael Josten, Patricia Brando Josten, Rene Torres, Doug Yerkes (Produtores Associados) / Elenco: Hal Havins, Allison Barron, Alvin Alexis, Billy Gallo, Cathy Podewell, Lance Fenton, Linnea Quigley

Cabelos ultrajantes, nudes a vontade, mullets e o rock como trilha sonora! Sim… Estamos nos anos 80! E o que tem de melhor nos anos 80 fora adolescentes com hormônios e peitinhos a vontade? Os melhores filmes de terror! Mas fora os que já coloquei aqui no blog esse em particular é um filme que me deixava curioso, sua capa no qual tinha um demônio chupando um pirulito de caveira. Na época não sabia que se tratava da parte 2 e que anos depois iria ver a primeira parte e nossa que filme foda.

Continuar lendo

66 – Jason Vai para o Inferno: A Última Sexta-Feira (1993)

jason_goes_to_hell_poster_02

1993 / EUA / 87 min / Direção: Adam Marcus / Roteiro: Dean Lorey, Jay Huguey / Produção: Sean S. Cunningham / Elenco: John D. LeMay, Kari Keegan, Kane Hodder, Steven Williams, Steven Culp, Erin Gray

Eu acho que a saga “Sexta-Feira 13” é uma das coisas mais divertidas que o cinema já criou.  Com o seu entusiasmo para criar coisas novas como um assassino imortal que mata de várias formas criativas e tem como motivacional adolescentes que transam e fazem coisas erradas como se divertir, fumar maconha e nadar pelados no lago “cristal lake”. A verdade é que Jason é doutrinador dos bons costumes e bons valores e a sua punição só pode ser a morte.

Continuar lendo