A Outra Face da Violência (1977)

rolling-thunder-poster

1977 / EUA /95 min / Direção: John Flynn/ Roteiro: Paul Schrader e Heywood Gould/ Produção: Lawrence Gordon e Norman T. Herman/ Elenco: William Devane, Tommy Lee Jones, James Best, Dabney Coleman, Lisa Blake Richards e Luke Askew

Conhecido como um dos filmes favoritos do Tarantino, “A Outra Face da Violência” é um ótimo filme desconhecido da nova Hollywood.  Dirigido por John Flynn que já fez outras excelentes produções como “Condenação Brutal” e “A Marca da Corrupção”. Soube como aproveitar todos os elementos de uma época descredula que foi os anos 70. Falar desse movimento e a “contracultura” é entrar dentro, ou melhor, conhecer o que mudou no cinema para sempre. Desde o que estava acontecendo na sociedade de mudar os conceitos até não acreditar em algo que era padronizado como os próprios valores. Esse movimento veio para romper esses conceitos e mostrar a realidade violenta, preconceituosa que o sistema nos empurra.rolling_5Através desse filme e do maravilhoso roteiro do Paul Schrader, que é a cara da nova Hollywood, no qual podemos confirmar somente pelos seus roteiros que são nada mais nada menos que “Taxi Driver”, “Touro Indomável”, “A Ultima Tentação de Cristo” e “Vivendo no Limite”. Ambos filmes que outro excelente diretor filmou que é Martin Scorsese. A cara dessa nova era. Veio a calhar também com o que estava acontecendo no mundo. Guerras, crises, o sexo livre e etc. Isso foi um tempero para esses jovens diretores criar uma nova cara para o cinema e também para o mundo. Quer mais crítica social que “Scarface” de Brian DePalma ou até “Sem Destino” do Denis Hooper.

Mas em “A Outra Face da Violencia” vemos um soldado que participou da guerra do Vietnã, voltar para casa depois de 7 anos em cativeiro. A sua mente está destruída e sua crença no país morreu. E quando ele volta a vê sua esposa apaixonada por outra pessoa, seu filho tendo uma rejeição com o pai e ele é assaltado e matam sua família. Não vemos uma reação de espanto ou até analise de raiva como temos em “Desejo de Matar” que tem uma trama até parecida com esse filme. O major Charles Rane (William Devane) perde um braço quando é assaltado então ele parte atrás dos bandidos na companhia de uma garçonete. O filme aborda o “Road movie”. Mas a vingança que o filme trata é uma coisa bem elaborada e real. Como a própria cara da nova Hollywood que quer deixar a verdade falar mais que tudo.

O único ponto negativo é como o roteiro fica confuso na terceira parte da trama. Quando o major abandona a garçonete e chama seu amigo de guerra Johnny Vohden (Tommy Lee Jones), as ações ficam muito rápidas e parece que o desenvolvimento do filme e também dos personagens ficam jogados em tela. E a conclusão também do filme ficou muito solto. Séria interessante se aprofundar nas camadas dos dois personagens. Esse lado sombrio do major ao longo do filme deixa de ser empolgante e curioso para ser piegas e acaba como começou de uma boa história e sem desenvolvimento do restante do roteiro.rollingthunder2Acho que isso é um dos filmes preferidos do Tarantino porque podemos perceber a vingança como trama principal dele e também o mistério em torno de seus personagens como Beatrix Kiddo de “Kill Bill” ou até em “Pulp Fiction” que os personagens mais interessantes não são tão bem explorados no seu psicológico.

Mas claro que não deixa de ser um excelente filme com uma trama que prende atenção e também consegue ter uma ótima fotografia, boas as atuações e também os atores se entregam em alguns pontos dos filmes. Talvez o diretor ainda estivesse inseguro em alguns pontos, mas claro que é um clássico esquecido desse lindo movimento que é a “Nova Hollywood”.

Nota:     

Baixe o filme com Legenda + Filme  

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s