Guerra Mundial Z (2013)

 

World-War-Z-NewPoster

Guerra Mundial Z (World War Z)

2013 / EUA / 116 min / Direção: Marc Forster/ Roteiro: Matthew Michael Carnahan,Drew Goddard,Damon Lindelof / Produção: Brad Pitt, David Ellison,Dede Gardner,Jeremy Kleiner,Dana Goldberg,Graham King/ Elenco: Brad Pitt,Mireille Enos,James Badge Dale,Matthew Fox

Guerra mundial Z enfrentou vários problemas. Primeiro, por ter sido filmado em 2011 e só terminado em 2012, adiando seu lançamento para 2013. Segundo, esse atraso do filme causou prejuízos para os estúdios, que investiram 200 milhões de dólares na produção do longa. O roteiro é baseado em uma história de Max Brooks, que também lançou o famoso livro “Guia de sobrevivência a Zumbis”. Podemos ter como uma base do filme o seu pano de fundo, que é voltado para os problemas mais atuais, como a guerra química e a invasão americana a países estrangeiros, como o Iraque.

18rh7iulxtsijjpgBrad Pitt interpreta o ex-agente da ONU Gerry Lane, que agora que se aposentou como investigador, e se dedica à família e passa o tempo todo com eles. Mesmo sem tocar no assunto, podemos perceber que a decisão foi mais de sua esposa do que dele mesmo. Paralelamente a isso, o mundo é tomado por uma doença que faz as pessoas perderem o controle e atacar uma às outras. O governo americano interpreta o problema como um surto de raiva, e esse clima de “calamidade pública” é uma das melhores coisas do filme.

O filme basicamente lida com Brad Pitt tentando salvar o mundo, e ele mesmo, na medida do possível. A construção dos personagens é fraca e deixa a desejar. Falta algo que te motive a ver o filme. A não ser torcer que algo aconteça para que, no caso, Lane não cumpra seu objetivo. Embora a gente saiba que com todo o seu sacrifício, e bota sacrifício nisso !, ele conseguirá se livrar de todas as adversidades para que possa pensar no bem maior.

Brad Pitt in World War Z

Lane e sua família são resgatados pelo seu ex-chefe, que faz de tudo para salvar seu melhor soldado, mesmo passando por vidas e contrariando ordens. Imagino que seja arriscado mandar um helicóptero e soldados para resgatar uma família só. Mas, como de costume em filmes desse tipo, o próprio descompromisso da história com a verossimilhança nos faz aceitar mais facilmente aquela situação. Como a cena em que Lane e companhia vão se esconder num prédio e uma família de imigrantes mexicanos os acolhem. O único deles que fala inglês é um menino e logo após a família de Lane ir embora, o prédio é invadido por zumbis e o único sobrevivente é o garoto. Você chega a pensar que ele talvez seja um sociopata, porque não demonstra nenhum pingo de sentimento pela sua família morta.
Os zumbis do filme são muito bem-feitos e diferentes do que aparentavam no trailer, que lembrava muito Eu sou a Lenda. Um bom filme para introduzir alguém ao mundo de zumbis, que está tão forte na cultura em geral. Mas para veteranos que gostam de George Romero, como eu, é uma pena que exploraram tão mal o pano de fundo da história, o que poderia ter resultado num filme mais rico e original.

Nota:     

baixe o filme com Legenda + Filme

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s