Sobrenatural: Capítulo 2 (2013)

Sobrenatural

 Sobrenatural: Capítulo 2 (Insidious: Chapter 2 )

2013 / E.U.A / 104 min / Direção: James Wan / Roteiro: James Wan  e Leigh Whannell / Produção: James Wan  e Leigh Whannell / Elenco: Patrick Wilson, Josh Lambert, Rose Byrne, Leigh Whannell ,Lin Shaye e Ty Simpkins

“Sobrenatural 2” parece mais uma pecinha que faltava para encaixar algumas coisas da primeira parte do filme. O que foi legal até pelo começo, mas, logo eles insistiram numa historia que não havia movimento a não ser pelos personagens que na verdade pareciam se divertir com tudo aquilo, deixando as cenas bobas e sem graça em alguns momentos. Mas o pecado maior foi usar um alivio cômico que tira todo o espírito do filme, e a proposta que ele estava construindo desde o primeiro.

Mas a tensão que o envolve é perfeita! O que é sua marca registrada, claro que não se compara com a primeira parte e com o seu ultimo filme “Invocação do Mal”. Mas o maior erro de sequências em geral é querer explicar as algumas coisas, pensei que James Wan tinha aprendido isso com a sua franquia “Jogos Mortais” que teve uma proposta legal no primeiro filme, mas logo se perdeu tanto na qualidade de roteiro, direção e de atuação.

cena-do-filme-sobrenatural-capitulo-2-de-james-wan-jogos-mortais-e-invocacao-do-mal-estrelado-por-patrick-wilson-a-sequencia-conta-a-historia-da-familia-lambert-que-busca-desvendar-o-1379695492821_956x500

O filme começa nos levando a infância de Josh novamente, que é interpretada por Patrick Wilson. A médium Elise (Lin Shaye) o ajuda a se livrar dos seus pesadelos e de algo que está atrás dele, ela apaga a memória dele e os anos se passam, e para onde nos conhecemos que é a primeira parte do filme.

Sobrenatural começa de onde parou o primeiro com Elise morta e Renai (Rose Byrne) descobrindo que seu marido é na verdade uma entidade ou achando que é. Coisa que no primeiro filme ela é a única a acreditar nos fantasmas, mas nessa segunda parte ela demora muito para perceber que eles não estão livres ainda e que aquela pessoa que possuiu o seu marido está levando sua família à desgraça. O filho mais velho deles Dalton (Ty Simpkins) é o único mais sensato dentro da casa e fica o tempo todo falando: “Aquela pessoa não é o meu pai”. Mas o roteiro se repete e todos dizem: “Você passou por um trauma”, e nossa que roteiro fraco.

O ponto alto da história é revelar que a “noiva de preto” que assombrava Josh quando criança é na verdade um homem, que é um “Serial Killer” e foi traumatizado pela sua mãe. Não teve um grande impacto toda essa história. E os alívios cômicos que realmente não deveriam ter estraga o que séria a grande revelação do roteiro.

insidious2_01

James Wan volta a usar a câmera “found footage” que lembra pela situação do filme, aqueles programas baratos de “caçadores de fantasmas” que passa no canal Syfy.

O filme tem algumas sacadas legais principalmente do meio para o final, mas quando chegamos aos finalmentes ele se perde, tudo fica acelerado e parece que dão um final idiota e rápido para explicar algumas coisas, e depois querem introduzir outra historia para fazer outro filme, que com certeza vai ter o mesmo contexto dos outros dois.

Custo acreditar que James Wan dirigiu esse “Sobrenatural: Capítulo 2”, porque morro de amores por ele! Seus filmes são fantásticos realmente incríveis, toda a mística que ele constrói e ainda tem aquela áurea dos anos 80 realmente é incrível. Mas talvez sejam como dizem “Ninguém é perfeito”, e foi uma pena que ele conseguiu provar isso justo nessa continuação.

Nota:       

baixe aqui com Legenda + Filme

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s